Estivemos em São Paulo para falar com Nelson Muniz, grande artista local.
Falamos do seu processo criativo, principais influências e sobre o que ele pensa a respeito da ideia da TV ARTEDESIGN construir uma rede social para os artistas nacionais.

Nelson Muniz é desenhista técnico, ilustrador e designer, porém seu tempo é quase totalmente dedicado às artes plásticas.
Sua linguagem perpassa do figurativo ao abstrato e evidencia uma abordagem surrealista, a preferência por elementos geométricos e orgânicos, com o intuito de aguçar a imaginação do observador.

Vamos conhecer um pouco mais sobre o artista?

A TV ARTEDESIGN bateu um papo com Nelson Muniz sobre suas principais referências.

 Epifania de um amor maduro – Óleo sobre tela 1,30X2,50Epifania de um amor maduro – Óleo sobre tela 1,30X2,50

Quando perguntamos para Nelson sobre seu processo criativo, ele deu uma pausa breve na fala e em seguida começou a contar sobre a ocasião em que estava na casa de um amigo, ainda menino, e por lá encontrou um livro grosso com uma capa extremamente bela – era nada menos que um livro sobre Leonardo Da Vinci – e aquilo o encantou profundamente.

Complementou que o cubismo analítico de Picasso, a pincelada abstrada de Kandisky, o Construtivismo Russo e o Grafite são os principais elementos da pintura do artista, onde peças sobrepostas, num panorama indefinido de geometria e forma, apontam para a criatividade livre. Nesse palco do imaginário, a mensagem se mostra desnecessária de definição.

“A  arte é a sobreposição de sentimentos”, afirma Nelson Muniz.

Nelson afirmou ser um desenhista de coração, e já atuou nos mais diversos setores – desenho artístico, técnico, ilustração, fotografia, cenografia ilustração, mercado editorial, programação visual… ufa! Faltou mencionar Design. Outro ponto colocado por Nelson é a importância de observar e entender os processos de criação de outros artistas, de buscar informação através do estudo, e coloca a poesia como primeira arte, em que “o poeta é intérprete da vida”.

Quando perguntamos sobre o que vem à cabeça de Nelson com a ideia da TV ARTEDESIGN mapear e conectar os artistas nacionais, Nelson foi categórico:

“Fantástico, pois promove algo que não acontece. Se trocássemos experiências, a situação dos artistas seria outra. É um canal de comunicação”.

A TV ARTEDESIGN está apenas no início da imensa jornada pela conexão colaborativa dos artistas nacionais e qualquer pessoa interessada em trazer a arte para o seu dia-a-dia, com valorização da cultura brasileira e democratização dos processos artísticos.

                                                                                               

COMPARTILHAR
Sua plataforma de empreendedorismo na arte e design.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here